Homossexuais! Como falar do amor de Deus !?

domingo, 20 de março de 2011







(Escrito por André Filipe)

Então galera a partir de hoje que fazer uma série de mensagens que trate sobre esse tema tão discutido na sociedade atual, seja no meio cristão ou secular, nas igrejas, escolas, faculdades...

No texto de hoje quero somente dizer a vocês o quanto é importante amarmos os homossexuais. Não estou apoiando a causa homossexual, estou apenas pregando o amor perante a todos os seres, sejam eles cristãos, católicos, negros, heterossexuais, homossexuais enfim todos independente de credo ou opção sexual.

O grande avanço que buscamos não deve ser a comprovação científica de que realmente não há interferência genética na diferenciação dos sexos, o grande avanço desse século vai ser quando anularmos o nosso preconceito. O sentimento de que somos tão superiores a eles, de que somos SANTOS perto da vida de promiscuidade dessas pessoas, isso tudo é ridículo.

A sociedade já cumpre o papel de acusadora, de preconceituosa, e a igreja tem compactuado com isso se mostrando ao lado do preconceito, tem se colocado na posição de acusadora. Muitos estão no homossexualismo por falta de um eu te amo, ou de um minuto de atenção, o que eles mais precisam ver em nós ( Povo de Deus) é que os tratamos como gente e não como doentes.

A igreja não deve ter como prioridade entrar em embates polêmicos sobre isso, devemos acalmar os ânimos e ter com prioridade a vida dessa pessoas. Ter em mente que eles precisam do amor de Cristo, que a única forma de mudança é conhecendo a Cristo.

Homossexualismo não é doença, não trate um homossexual com repúdio, Deus não aprova esse tipo de conduta. Mais uma vez quero frisar, que sou contra o pecado ( homossexualismo), porém amo ao pecador, ( homossexual). Venho pedir a vocês que façam diferente da igreja que nos antecedeu, uma igreja que só acusou essas pessoas. Quero frisar que o primeiro passo para se tentar falar de Jesus para elas é AMANDO-AS.

Se você ainda não consegue amá-los, não está preparado para falar de Jesus para eles. Parece duro mais é real, peça a Deus primeiramente amor e depois encontre uma forma de se comunicar, uma forma sem nenhum tipo de preconceito, e que tenha em sua essência o amor de Cristo.

Ouça-os, diga o quanto eles são importantes para vocês e para Deus, e essa afirmação não deve ser falsa, por isso o primeiro passo a ser pedido a Deus é o amor incondicional. E o que quero deixar nessa primeira parte é que realmente devemos pedir a Deus um amor sem barreiras pelos homossexuais, um amor que foi perdido, ou talvez nunca tenha existido no meio de nós.

Pois alguns conseguem fazer distinção em pregar o evangelho para um viciado e para um homossexual. Isso deve ser exterminado do nosso meio. São todos iguais, perante o nosso Deus. Por isso ore a Deus pedindo simplesmente AMOR nesse primeiro momento.

(Nos vemos na parte 2)







Related Posts with Thumbnails

6 comentários:

- Nataly Lima disse...

Parabéns pelas palavras..
concordo plenamente com você em relação ao homossexualismo,
a maioria dessas pessoas são meio que 'carentes' pois sofrem mts perseguições e preconceitos, principalmente da igreja.
Mas como Deus disse : '' Amarás o teu próximo como a ti mesmo ''
Deus os abençoe, e lhe deem mt entendimento.
Abraços , Nataly Lima.

patriciaangela84 disse...

gostei da materia apenas, nao ficou bem claro pra mim o porque de ter posto no segundo paragrafo o fato de ser pregado o amor a todos independente de suas escolhas, inclusive q deve ser pregado a..."cristãos, católicos, negros, heterossexuais, homossexuais enfim todos independente de credo ou opção sexual"
o porque de ter posto "NEGROS", ser negro ou branco nao é uma opção é uma questão de raça...nao vejo o porque disso ter entrado em questão..mas enfim, a matéria foi inteligente e de bom grado!!

Cecéu disse...

Achei muito interessante quando você coloca a necessidade de primeiro amar para depois falar, nunca havia pensado assim, que Deus inunde-nos do amor que vem dEle par anunciarmos a Sua maravilhosa salvação.
Deus te abençoe.

André Filipe e Mariana Rodrigues disse...

É eu sei disso patriciaangela84 porém existe o racismo, e por isso também falei de raça !

patriciaangela84 disse...

"andre filipe e mariana rodrigues"

Racismo e homossexualidade sao duas coisas muito diferentes, que giram sim em torno de preconceitos mas nao dao o direto de serem comparadas ou discutidas da mesma forma. Ninguem nasce homossexual nem lesbica, mas nasce-se negro ou branco, portanto sao coisas diferentes.
o homossexualismo é opção sexual e o negro/branco é questao de raça, ninguem opta por ser branco ou negro, mas hoje em dia nos tempos do modernismo exacerbado sexualidade virou opção...caos total!!!

André Filipe e Mariana Rodrigues disse...

Pelo visto vc ainda não entendeu! Deixa eu ser bem claro!

1- Eu sei da diferença entre raça e opção sexual

2- Eu não comparei nada

3- Não equiparei as duas ( só citei ambas no mesmo período)

4- Eu também sei que opção sexual é COMPORTAMENTAL, logo se escolhe a sua orientação sexual

5- E também sei que raça é impossível de ser escolhida, se nasce com ela

6- EM NENHUM MOMENTO IGUALEI AS DUAS, SEI QUE SÃO COMPLETAMENTE DIFERENTES UMA DA OUTRA, PORÉM NOS DOIS CASOS TANTO DE RAÇA E DE OPÇÃO SEXUAL OCORREM FORMAS DE PRECONCEITO E POR ISSO COLOQUEI COMO EXEMPLO. POR ESTAR NA MESMA FRASE NÃO SIGNIFICA QUE SÃO IGUAIS.

Espero que tenha entendido.

Postar um comentário

Pessoal comentem a vontade! Só respeitem a opnião dos outros e nada de ofensas por aqui, por favor!

Deixem a opnião de vocês sobre os posts, e sempre que pudermos daremos réplicas aos seus comentários !

*Pessoal que quiser parceria vai lá no menu contato e avisa!

 
Jesus de Avaianas | by TNB ©2010